Notícias

08/06/2021 - Campanha de vacinação contra gripe no TRT/AL arrecada 700 kg de alimentos para doação

A campanha Vacinação Solidária contra gripe influenza (H1N1) realizada pelo Tribunal Regional do Trabalho da 19ª Região (TRT/AL) entre os dias 31/5 e 4/6, arrecadou cerca de 700kg de alimentos. As doações feitas por magistrados, servidores e terceirizados durante o “drive-thru” da vacina, foram repassadas pela presidência do TRT/AL para o programa TRT Solidário, mantido pela comunidade do Tribunal.  Os gêneros alimentícios serão doados a quatro entidades filantrópicas.
   
Entre os mantimentos recebidos pelo TRT Solidário, estão açúcar, arroz, feijão, macarrão, farinha de mandioca, fubá, café, óleo, achocolatado, bolachas, entre outros. Serão contempladas com as doações as organizações beneficentes Associação Irmã Dulce dos Pobres e Associação São Vicente de Paulo, da Paróquia de São Pedro Apóstolo, na Ponta Verde; Casa Ágape, em Ipioca; a Residência São Luiz, na Ponta Grossa, e a Paróquia Nossa Senhora das Graças, em Murici.

“Mais uma vez, a Justiça do Trabalho de Alagoas prova seu valor e, em um momento de uma crise humanitária sem precedentes, conseguiu demonstrar empatia ao reunir uma quantidade expressiva de alimentos, o que revela que, além de ser muito eficiente na prestação jurisdicional, também tem uma comunidade comprometida com seus deveres de cidadãos”, afirmou o desembargador Marcelo Vieira, presidente do TRT/AL.

TRT Solidário - O Programa de Responsabilidade Social do TRT/AL foi criado em 2006 com o objetivo de incentivar magistrados e servidores a se engajarem nas causas sociais e humanitárias. Mensalmente, são feitas doações em valores e arrecadações de gêneros alimentícios, limpeza, medicamentos, materiais escolares, entre outros.

Imunização - A campanha de vacinação contra a gripe H1N1 foi realizada na modalidade de drive-thru, no estacionamento da Casa Verde, pelo Setor de Saúde do Tribunal. Foram aplicadas 340 doses do imunizante. Doses residuais serão aplicadas em servidores e magistrados que solicitaram receber as doses fora da campanha, por estarem em período incompatível devido ao recebimento da vacina contra a covid-19.
 


 

Coordenadoria de Comunicação Social
Fonte: Ccom