Notícias

04/08/2020 - 2ª VT de Maceió lidera ranking de cumprimento das metas na capital

Resultado da correição na Unidade foi divulgado em audiência pública telepresencial ocorrida no último dia 21 de julho

No último dia 21 de julho, o desembargador vice-presidente e corregedor do Tribunal Regional do Trabalho da 19ª Região, Marcelo Vieira, conduziu audiência pública telepresencial de correição na 2ª Vara do Trabalho de Maceió. Os dados apresentados no evento referem-se à movimentação processual analisada no período de 1º.7.2019 a 30.6.2020. De acordo com o relatório correcional, a taxa de congestionamento de pauta da Unidade aumentou de 16% para 29%, mas ficou um pouco abaixo das respectivas médias de 31% e 34% registradas pelo Regional e pelas VTs da capital.

Quanto aos dados referentes ao desempenho em cada uma das metas institucionais estabelecidas pelo Plano Estratégico da Justiça do Trabalho, constatou-se que a Unidade obteve a pontuação integral em seis das sete metas, não tendo cumprido a referente à conciliação. Assim, atingiu 45 pontos e superou os 34, que é o número mínimo para consignar uma pontuação no índice de alcance de metas, de um total de 51 pontos possíveis. Com esse desempenho, ocupa atualmente o 3º lugar da região e o 1º entre as Varas da capital no ranking de cumprimento de metas.

O índice de processos julgados foi de 88,3%. Os prazos médios para prolação de sentenças se apresentaram em 19 e 29 dias para os ritos sumaríssimo e ordinário, respectivamente. O percentual de prolação de sentenças líquidas da Vara evoluiu de 67,2% para 74,1%, mas ficou abaixo da média de 77,5% do regional. O índice de execuções (IE) chegou a 105,4% e a taxa de congestionamento nessa fase ficou em 82,1%, próxima da média geral, que foi de 83%.

Quanto aos dados referentes à força de trabalho efetiva e ao efeito das ausências dos servidores na produtividade, o índice de absenteísmo registrado foi de 1,2%, ante uma média regional de 4,5%, o que equivale a um servidor afastado por 36 dias durante o período correcional.

Na ocasião, o desembargador corregedor ressaltou que a 2ª VT de Maceió sempre foi uma unidade destacada por seus números estatísticos, pela qualidade e seriedade do trabalho dos magistrados que a conduzem e pelo bom atendimento que presta aos advogados e partes. Acrescentou que um ou outro dado não muito simpático deve ser visto de forma contextualizada, assim como toda e qualquer estatística, bem como concordou com a observação da dificuldade que a VT enfrenta em relação às ações coletivas que são vistas como processos unitários.

O juiz substituto da Unidade Trabalhista, Flávio Luiz da Costa, teceu elogios à equipe de servidores, à qual atribuiu os resultados positivos, sob a liderança do diretor de Secretaria, e ressaltou a importância da parceria com os advogados, afirmando que a VT estará sempre à disposição e que continuará, juntamente com os servidores,  empenhado para prestar a melhor prestação jurisdicional possível.

Videoconferência A realização de correição por videoconferência está regulamentada no Ato TRT 19 CR nº 55, que dispõe que essas atividades continuarão acontecendo de forma remota enquanto persistirem as medidas de distanciamento social direcionadas ao enfrentamento da pandemia do novo coronavírus. Acompanharam a audiência os advogados Carlos Sampaio, representando a Associação dos Advogados Trabalhistas de Alagoas (AATAL), Carlos Hidalgo e Felipe Vasconcellos Cavalcante.

CLIQUE AQUI PARA LER A ATA NA ÍNTEGRA.

 

 

 

 

 

 

 

 

Coordenadoria de Comunicação Social
Fonte:
Ccom

Conteúdo de Responsabilidade da(o)
Fonte: Ccom